LYRICS.AZ APPLICATION

Download from Apple Store
Download from Google Play

Víruz - Sujo lyrics

[Intro]
[Nerve] Ya, isto é sujo
[Víruz] É muito sujo
[Nerve] Hey Víruz!
[Víruz] Hey, fala
[Nerve] Queres fazer aquele som que um gajo tá a falar p'aí há quatro anos, meu?
[Víruz] Ya, claro, claro
[Nerve] Aquela cena pá... sem punchline, meu... uma cena do costume ou assim...
[Víruz] Ya, o típico, o típico
[Nerve] ...pá Rádio, tás a ver?
[Víruz] Ya, ya... Vou começar eu, pode ser?
[Nerve] Ya, isto é buéda sujo... Siga

[Verso 1: Víruz]
Firme durante horas como estrelas pornográficas
(Hey, oh Víruz... Foda-se) As rimas saem esporádicas
São os brancos mais barrascos, com vomitado na roupa
Voz rouca do bagaço e mais feios que cuspir na sopa!

[Nerve]
Escuta, Nerve é o reflexo da vida dura
Sujo e feio… (Porquê?) ...Não há nada de bonito na rua
Claro que sou filho da puta, cretino, escumalha, patife!
Foda-se, o meu nome é nervo… Eu já faço parte do “bife”!

[Víruz]
Hoje sou artista à paisana, sujo na boca e na fama
Brilhantina, roupa fina para sujar com Halograma
Faz parte do programa, abandonar gajas na lama
Mudar vidas de quarentonas como cancro da mama!

[Nerve]
Mama! Andas a pedi-las como mendigos
Nunca limpo. És esquecido como se nunca tivesses vivido
Não tens bolas para isto… É basebol com asteróides
Vocês, para mim, são todos iguais como putos mongolóides!

[Refrão 1: Nerve] (Nerve & Víruz)
Tentas, mas não estigas. Não mandas punch na rima
(Isto é sujo, man, isto é sujo, sujo!)
Fazemos trinta por uma linha para ter trinta numa linha
(Isto é sujo, sujo! Sujo, sujo!)
Pensas que ninguém repara que ficas com sarna na cara?
(Isto é sujo, man, isto é sujo! Sujo!)
A gente escarra-te na cara e humilha-te na tua casa!

[Verso 2: Nerve]
Todos te querem ver pelas costas, mas não dizem nada
Como putos acanhados a sonhar enrabar a namorada!
Para assegurares a tua linhagem terás de te vir para um frasco

[Víruz]
Arrasto-te para bem fundo. Está aqui o padrasto
Entre tinto e gazela, unhas sujas, amarelas
Nicotina assassina faz-me duro como canelas
Foram noites inteiras com rameiras e cadelas

[Nerve]
Com ramelas, em cadeiras sentados à espera delas
Porque elas é que trazem as bebidas e as moelas
Que se fodam luz de velas, copos-de-água só em tabernas
Trato cabras como éguas. Não tens modos? Eu ensino-os!
[Lyrics from: https:/lyrics.az/viruz/-/sujo.html]

[Víruz]
Não estou para aguentar merdas… Não controlo os intestinos
Até sou tolerante e tolero quando criticas
A tua miúda diz que, ao pé de mim, és um maricas
E que inventas e ficas com ventas de parvo
Contigo frente-a-frente estou sozinho com um alvo!

[Refrão 1: Víruz] (Nerve & Víruz)
Tentas, mas não estigas. Não mandas punch na rima
(Isto é sujo, man, isto é sujo, sujo!)
Fazemos trinta por uma linha para ter trinta numa linha
(Isto é sujo, sujo! Sujo, sujo!)
Pensas que ninguém repara que ficas com sarna na cara?
(Isto é sujo, man, isto é sujo! Sujo!)
A gente escarra-te na cara e humilha-te na tua casa!

[Verso 3: Nerve]
Esses putos nem querem esta capacidade
Porquê? Porque com grande poder vem grande responsabilidade
Os mais pesados e esfomeados como crocodilos
Sistema Intravenoso! (Não damos o litro.) Damos o quilo!

[Víruz]
O estilo é suíno. Eu não humilho, eu piso
Dás de caras com a nossa cara no momento decisivo
(Olha para ti…) Colares de missangas, cheio de truques nas mangas
És tipo striptease… Só nos dás tangas!

[Nerve]
Não te desculpes com a tua zona, falta de beats, idade
Isto não é fácil para ninguém… Agora porta-te com dignidade!

[Víruz]
Devias estar agradecido por esta sinceridade
Devias voltar ao início e morrer na maternidade!
Eu não fico sentado à espera que alguma coisa mude
Eu mudo e não fico mudo. É uma questão de atitude
E tu, o que é que fazes?

[Nerve]
Eu faço impor respeito
Inovar, por vezes é chato, mas o trabalho sujo tem de ser feito!

[Refrão 2] (Nerve & Víruz)
[Víruz]
E ainda te humilhamos mais fora dos instrumentais
(Isto é sujo, man, isto é sujo! Sujo!)
Vamos contar aos teus pais que giras com homossexuais
(Isto é sujo, sujo! Sujo, sujo!)
[Nerve]
E ainda te humilhamos mais fora dos instrumentais
(Isto é sujo, man, isto é sujo! Sujo!)
Vamos contar aos teus pais que giras com homossexuais!
(Isto é sujo, man! Isto é sujo demais!)

[Outro: Nerve] (Víruz)
Yeah (Matarroa!)
Memo assim, Sistema Intravenoso (na Mina)
Nerve e Víruz, man (yeah)
Agora vai arranjar amigos, man! (hahaha)
Isto é sujo, meu... Sujo (tás fodido)
Yeah

Correct these Lyrics