Naan MC - Monstro Interno lyrics

Published

0 207 0

Naan MC - Monstro Interno lyrics

[Refrão: Liink]x2 Você cria monstruosidade e nem ao menos sabe Não tenho dom para ser santo, os pecados são verdade [Verso 1: HZD] Feito de dores e amores perdidos Detalhes da vida, pedidos Culpas do não, desculpas em vão Putas derrotas pelo não consigo Medo é mato lembro de fato Trato com um Nêmesis que me mede Cobra contatos, fama e status E nesses que ele me impede de fazer Tudo que sempre sonhei, lutei em vão Em ter que um dia falar pra minha mãe que eu falhei na minha missão Pé no chão, se eu cair, vou ser eu e meu vilão Não é questão de orgulho tio, é mais que sensação Muito fácil falar do pecado quem não viu a tentação Bem mais fácil falar da derrota dos outros se você nem tenta, jão Esquenta não, que isso é fase, e eu achando que já zerei A vida é um jogo, o tempo é pouco E por pouco não exagerei e me entreguei Serei culpado por meu fraca**o Serei cobrado pelos meus atos Serei cercado pelos meus pa**os Eu sei, meus inimigos são meus próprios pecados [Refrão: Liink]x2 Você cria monstruosidade e nem ao menos sabe Não tenho dom para ser santo, os pecados são verdade [Verso 2: Funkero ] Monstros ao meu redor, não sobrou ninguém Parecia a fuga de Jerusalém ,Êxodo, eu morri a 10.000 atrás Meu nome eu não sei mas Serão deuses ou naves espaciais! Ignorância é uma benção, conhecimento é maldição Ônus e Bônus pecado perdão vida ficção ação O Mistério das pirâmides de gizé Pergunta sem resposta Ciência VS Fé Psicopatia que acorda o pior lado seu Mentes doentia , matando em nome de deus A raça humano é um vírus bomba/tiros O amor morreu, quando penso choro e enxergo que o real monstro sou eu Minha parte boa, tenta fazer que a má morra Minha parte má fica gritando FODA-SE essa porra Eterna guerra do sino e a idéia é viver sem ver Um milhão de monstros lutando em volta de você [Refrão: Liink]x2 Você cria monstruosidade e nem ao menos sabe Não tenho dom para ser santo, os pecados são verdade [Verso 3: NAAN] E se eu tivesse nascido, um pouco menos egoísta? Ou se não soubesse o real valor sobre cada derrota ou conquista, enfim Um consórcio vital, um negócio final que corrompe o meu ser Por buscar saber, meu ódio domina e libera a Kyuubi aqui dentro de mim E ela vem, me cortejar com seus encantos Ela tem, a capacidade de me deixar em prantos Sou eu quem, domina esse mal que corrompe os adultos Pra toda pergunta existe resposta, nem todos segredos serão sempre ocultos Portanto enxerga o eu interior Ou melhor, deixa reinar, esse seu Deus interior Mentira ou verdade? Ying-Yang Me sinto um Raj em Big Bang Theory, peço ajuda ao meu senhor Pra me livrar desse ódio, negociar com Kurama Me sinto em um tempo futuro, pode relacionar Futurama Estou em "Stand bye, press the bu*ton" Nasci velho e morri jovem pique Benjamin bu*ton [Refrão: Liink]x2 Você cria monstruosidade e nem ao menos sabe Não tenho dom para ser santo, os pecados são verdade [Verso 4: Luã Gordo] Saindo na porrada comigo mesmo Levando na raça enfrentando o medo Adrenalina se espalha, intuição não falha Meu monstro renasce a cada dura batalha Sei que louco o convívio As vezes eu perco o juízo O ódio que mora comigo, e meu maior inimigo Eu vivo, perdido já me desfiz de vaidade Dilúvio de mensagem , meu rap e sem ma**agem Dominei minha fera queimei minha erva História velha , o mal me erra, erra, erra.... [Verso 5: Liink] Uma coisa é verdade Meu monstro interior não é mais sábio do que me tornei Sei que a vida ainda pode ser mais doce pra quem sabe dominar o males, dominei Play, o ruim deixei pra trás De pa**ado vive quem não conquistou o presente Vive agora olha no olho esqueça o monstro, tente A paz é uma virtude que a poucos pertence A música é minha válvula de "esca-pense" Pra me sentir bem eu me afastei do mal Do ódio é um refém quem só enxerga a dor. (2x) Carrego o mal também o mundo não é só amor